Dicas Para Guardar Gravatas

A sociedade, mesmo com todo o avanço que tem feito nas últimas décadas e por que não dizer anos, continua ainda muito machista. Querendo ou não, muitas pessoas tem a mania (e o pensamento) de dizer que homem não liga para moda. A questão é que os homens também se preocupam com moda, afinal eles também devem estar bem vestidos e apresentáveis em diversas situações, assim como as mulheres. A prova de que o homem também deve se preocupar com a moda é que o guarda-roupa masculino também tem um grande leque de opções. Não tanto quanto o feminino, mas existem muitas peças, principalmente peças formais. E são essas peças que mais preocupam, afinal, quanto maior a formalidade, melhor apresentados devemos estar.

Dicas Para Guardar Gravatas

Dicas Para Guardar Gravatas

Roupas de Ocasiões Formais

O homem tem um guarda-roupa bem “igual” para o dia-a-dia. São calças jeans e bermudas, blusas de gola polo, camisas e calças sociais. Essas peças preenchem muito bem o quesito lazer e trabalho do homem, mudando apenas a cor e talvez, muito raramente, a estampa que eles usam. Em ocasiões mais formais, o guarda-roupa masculino sofre um aumento considerável. Entram nessa lista ternos, smokings e fraques, coletes e gravatas, além de outras peças que só quando eles precisam usar que descobrem o seu nome. Todas essas peças citadas acima são de fácil manuseio e de fácil armazenamento, exceto por uma: a gravata.

A Gravata Como Peça do Vestuário Masculino

A gravata é uma peça muito simples e ao mesmo tempo complicada. Muito simples por ser pequena. Muito complicada por vários fatores: não são todas as pessoas (nem homens e nem mulheres) que sabem amarrá-las (sejam elas a gravata borboleta ou a normal). Também não é toda ocasião que se pede o uso da gravata, só em empregos mais formais como advogados e afins (empregos de escritório, e nem são todos) e em festas formais como casamentos e formaturas. Com todas esses prós e contras, ainda há um pequeno porém em relação às gravatas. Assim como todas as outras peças de roupa, as gravatas também tem a necessidade de serem guardadas. O problema é que, por serem peças muito pequenas (se comparadas com as outras peças de roupa),  as gravatas não podem ser guardadas de qualquer maneira. Mesmo que não fossem pequenas, as gravatas devem ser guardadas de um jeito “diferente”.

A Gravata Como Peça do Vestuário Masculino

A Gravata Como Peça do Vestuário Masculino

Dicas Para Guardar suas Gravatas

Se você é homem e mora só, preste atenção nessas dicas. Se você é mulher e cuida das coisas de seu marido (ou companheiro), anote essas dicas. Se você é homem e tem uma mulher que cuide de suas coisas, preste atenção, tome nota e comece a organizar as suas gravatas conforme o seu gosto.

  • Cabide (Cruzeta) “Normal”

Existe um cabide (ou cruzeta) que é denonimado como normal. Este cabide é o que tem apenas a parte de encaixe no guarda-roupa e a parte de colocar a roupa. Esse cabide só comporta uma roupa, e acaba sendo muito grande para guardarmos apenas uma gravata nele. Então o que sugerimos a você é que você use o cabide “normal” para cabides. A parte do encaixe permanece e o que altera é a parte de colocar a roupa, onde, ao invés de ter apenas uma parte na horizontal, haverá várias. Geralmente esses cabides tem uma linha ao meio, na vertical, e tem algumas linhas (geralmente são cinco ou seis) na horizontal. Nessas linhas horizontais você coloca as gravatas, colocando uma ou duas abertas por linha.

  • Cabide Elétrico

Pensando na hora da escolha, o comércio tem em oferta um cabide elétrico que auxilia na hora da escolha da gravata. O cabide é feito basicamente do encaixe para o guarda-roupa e de uma base redonda. Nessa base tem vários ganchos que permitem que a gravata seja encaixada de forma perfeita, ficando a gravata deitada na vertical. Quando acionado, o cabide começa a girar, permitindo que você veja com maior clareza todas as suas gravatas sem precisar tirar o cabide do guarda-roupa.

  • Economizando Espaço

Guarda-roupa deve ser muito bem organizado para que possamos ter nossas roupas alinhadas e em ordem. Para ajudar nisso devemos pensar também na distribuição do espaço e no tamanho dele. Uma ótima dica de otimização (e economia) de espaço no seu guarda-roupa para poder guardar as suas gravatas é a de um cabideiro para gravatas. É mais comum do que imaginamos, e muito usual. O cabideiro pode ficar instalado na porta do guarda-roupa, ou em alguma lateral, até mesmo no fundo do guarda-roupa. Com o cabideiro instalado (e você pode ter várias fileiras desse cabideiro, isso depende do seu número de gravatas), você os organiza de acordo com o seu gosto.

Dicas Para Guardar suas Gravatas

Dicas Para Guardar suas Gravatas

  • Gavetas

Outra forma de você manter as suas gravatas em ordem é guardando-as em gavetas. Coloque divisores (ou separadores) na gaveta de acordo com o tamanho que a sua gravata fica quando enrolada. Se você tiver um número considerável de gravatas, pode ter mais de uma gaveta.

  • Caixas

Pegando o embalo de enrolar a gravata, você pode também guardar a gravata em uma caixa. Partindo da mesma ideia da gaveta, pegue (ou faça) uma caixa grande e divida essa caixa em pequenos repartimentos. Fazendo as divisórias, coloque ali as suas gravatas enroladas. Caso você não queira fazer uma caixa grande, você pode guardar as gravatas em pequenas caixas: uma gravata em cada caixinha. O problema dessa última ideia é que várias caixinhas vão dificultar a otimização do tempo na hora de escolher a gravata (para isso, damos a ideia de você organizar as caixinhas em uma parede e etiquetá-las, colocando no exterior da caixinha uma pequena descrição da gravata ou até mesmo uma foto,mostrando logo a cor e a estampa da gravata). A gravata, apesar de não ter sido criada com esse intuito, é uma peça do vestuário. Delicada e pequena, ela requer cuidados tão grandes, se não maiores, do que outras peças do vestuário, como calças, blusas e camisas.

Não custa nada você guardar as suas gravatas direitinho para que elas tenham uma maior duração. Não deixe-as expostas ao sol e lave-as apenas quando necessário (seu tecido é delicado). Também tenha cuidado ao passar a gravata. Coloque um tecido entre o ferro e a gravata. Para facilitar na hora da escolha (ou na organização), sugerimos que você organize as suas gravatas de acordo com cores e estampas. Isso vai ajudar (visualmente falando) na hora da escolha. Lembre-se de manter as gravatas sempre muito bem guardadas. Isso vai deixá-las impecáveis, tornando a sua produção também impecável.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Notícias

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *