Como Usar Estola

A estola é um tipo de acessório que pertence à moda feminina, entretanto sua origem está ligada a peças de roupas masculinas. É uma peça bastante parecida com um poncho curto, cujo principal objetivo é o de dar proteção à região do colo e ombros contra o frio, quase sempre sendo usada sobre uma roupa mais leve e elegante, como um vestido de festa contando com decote.

Tecidos da Estola

Essa proteção pode ser feita com o uso de pele sintética, crochê, em tricô usando lãs e ainda a partir da utilização de tecidos glamourosos. Como essa peça não tem tanta popularidade entre as mulheres, especialmente porque moramos num país de clima tropical é bastante habitual surgirem dúvidas de como fazer uso da peça, com a finalidade de criar composições elegantes.

Veja dicas de infalíveis combinações para usar e ficar com um bonito visual, especialmente em eventos mais elegantes e requintados.

Dicas Especiais

-Caso você seja convidado a participar de um evento social no inverno ou em lugares abertos durante noites frias, deverá obrigatoriamente conciliar a roupa de festa e a estola, sem que o resultado seja um visual deselegante e confuso. Por isso, uma alternativa acertada é utilizar um vestido de festa que seja mais neutro e clássico, contando com um tecido mais refinado, sem que apresente muitos enfeites como bordados, laços, flores e demais aplicações.

Com isso, para conseguir um equilíbrio, escolha por uma estola que tenha mais glamour, contando com aplicações de desenhos de cetim, e outros. Com gripir ou com paetês, com bordados, especialmente em desenhos e apliques de flores. Usando uma estola que chame mais a atenção, o vestido pode ser mais clássico, e ainda assim o visual manterá toda a sofisticação solicitada, podendo ser usado, sem medo, nas mais elegantes festas e recepções.

-A estola deve ser usada tanto na volta como na ida ao passeio, mas em determinado momento, num lugar que tenha uma temperatura mais agradável, a mulher pode tirá-la, deixando somente o vestido à mostra. Para situações como essa, o vestido deve ou pode ser tão lindo a ponto de não carecer de acessórios para fazer a complementação do visual. Usando um vestido desses, a mulher estará em evidência, quando ela vem com sua estola em cima dos ombros e no decorrer da festa, mostrar no look sem que use o acessório.

-Muitas estolas não possuem sistema de fecho e necessitam ser seguras todo o tempo pela pessoa que a usa, em razão disso, se o evento cobrar movimentos usando os braços, é preciso garantir a liberdade sem deixar que o charme se perca, escolhendo uma estola que possua sistema de fecho, podendo ser através de fitas, botão, colchete ou algo do gênero.

-A estola que é confeccionada de pele sintética combina com quase todos os modelos de vestidos para festa. No caso de outros tecidos empregados na fabricação da estola, é preciso ter atenção para montar um visual com maior harmonia. Para isso é necessário trazer equilíbrio às proporções: para os vestidos com mais volume, estola mais clássica; no caso de vestidos mais simples e clássicos, uma estola com mais glamour.

-Além do cuidado com os vestidos e estolas, faça também a combinação de estilos, por exemplo, para aquela estola tecida em tricô com pontos rústicos e largos os vestidos podem ser mais descolados, enquanto que para as estolas mais sofisticadas, os vestidos também o devem ser.

-Um visual mais causal, voltado para o dia a dia, passeio e trabalho pode ser também combinado com estolas, desde que elas tenham uma pegada mais despojada. Usar uma lá com fio mais grosso e agulha de tricô de número 6, acaba garantindo um visual mais casual e chique à estola.

-Numa rápida visita a uma loja de fios e lã para tricô você poderá se interar das maiores novidades e das diversas opções, contando com cores e texturas diferenciadas, com menor ou maior porcentagem de fio sintético agregados, rústicos, sem ou com brilho e ainda outras diferenciações. Quando optar por uma lã que seja mais chamativa, escolha combiná-la com roupas mais neutras, para não formar um visual que esteja carregado demais.

Aproveite as dicas acima de como usar adequadamente a estola, para compor um visual sofisticado ou casual, sem deixar de lado o bom gosto e a modernidade.

Diferenças entre Estola, Echarpe, Pashimina

Echarpe: É um tipo de lenço comprido e estreito usado para envolver o pescoço. E aqui no Brasil é chamado popularmente de cachecol, especialmente quando é feito de lã, e quando é feito em tecido, aí chamamos de echarpe.

Geralmente ele possui o formato retangular, em tecido leve, podendo ser fabricado de cetim, seda, musselina, algodão ou crepe. Por ser confeccionada em tecido leve, fica excelente cobrindo o colo e o pescoço em dias mais frescos e especialmente à noite. Também pode ser usada em dias quentes, para compor um look mais refinado.

Estola: No início, ela era confeccionada em pele de raposa, entretanto, atualmente pode ser comprada e outros materiais e até mesmo de lã, sem esquecer de mencionar as peles sintéticas, sendo usada ao redor dos ombros.

Ela é uma larga faixa que possui o formato retangular. Costuma ser usada em ocasiões que requerem uma maior sofisticação. A única proibição, nesse caso, é usar uma estola feita de pele de animais verdadeiros, isso não cai bem com nada é totalmente over.

Pashmina: esse não é o nome que se dá à peça e sim ao material de que ela é feita. A pashmina é uma fina lã de cashmere, porém é normal chamarmos outros tipos de lã pelo mesmo nome. Pelo requinte ela acabou se tornando um sinônimo. Para falar a verdade, o que faz a diferença é somente o material, podendo ser feito a partir de 100% de Cashmere ou numa mistura de seda com Cashmere, Viscose ou ainda outros tecidos em acrílico.

Uma pashimina pura é muito mais valiosa porque é fabricada a partir de pelos de cabra, oriunda da Caxemira, um local existente entre o Paquistão a Índia. Pode ser utilizada no inverno ou no verão, tanto para cobrir as costas, nos braços ou no pescoço, como ainda para proporcionar maior elegância ao visual.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Acessórios

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *