Como Usar Vestidos Bandagem

Coladinho e sensual, o vestido bandagem é a marca da feminilidade. Já está no mercado da moda há alguns anos, pois foi criado em 1989 por Hervé Lerge e, de lá em diante, vai e volta no closet feminino como tendência. O modelo está de volta e já pode cobrir o corpo das mais descoladas, pois há a exigência de uma certa ousadia para usar este modelo com mais sensualidade.

O vestidos bandagem, ou bandage dress, é o modelo de vestido bem coladinho ao corpo, deixando a mulher bastante sensual e ressaltando suas curvas. Para ser bandagem ele precisa ser curto, colado, mas pode mudar na parte de cima para diversos tipos de decote. Há tomara que caia, sem alças, alça lateral e, até mesmo, com manguinhas. O importante é ser justinho e básico.

Chama-se bandagem porque provém de tiras para formar a peça de roupa. Não é um tecido único, mas diversas peças unidas por costura forte para não fazer ninguém passar vergonha. E você sabia que o vestido original veio do Egito? Por lá surgiu uma moda de roupas em tiras, que acabou pegando por aqui.

Os tecidos são os mais diversos possíveis, indo do clássico viscose para o elastano. O que caracteriza o vestido bandagem não é seu tecido, mas sim o modelo que é justo ao corpo e com diversas camadas. Simples, prático e moderno, ele é bem a cara da mulher atual e pode ser usado em diversas ocasiões.

Dicas Para Usar Vestido Bandagem

De Dia ou de Noite?

Depende do tecido e do modelo. Se ele for modelo simples, sem estampas e cor única, por que não usar no dia a dia? Ele é um ótimo modelo para acompanhar em reuniões, em eventos mais formais de dia e, dependendo da cor, pode ir para casamentos de dia também se não forem à beira mar.

Para o dia, ele pode ganhar alguns acessórios para descontrair o visual, como uma jaqueta ou blazer e cores mais abertas. Para o ambiente profissional, recomenda-se não exagerar muito no curtinho para não se tornar vulgar. Com um blazer em tom neutro e um sapato de salto alto, seu look para festa está pronto.

Para a noite, dá para usar e abusar de cores mais fortes e brilhos mais intensos. O modelo em seda é ótimo para quem deseja ir à uma festa mais formal, diga de Oscar. Já as cores mais intensas ou combinação de cores cai bem tanto para eventos mais formais como os happy hours. Com listras coloridas para quem as pode usar, é uma boa pedida para fim de tarde bebendo com os amigos.

Com Salto Alto Ele Fica Mais Bacana

O destaque do vestido bandagem é ele ser justinho ao corpo e curtinho, por isso ele vai melhor com salto alto. O salto mais fino valoriza as pernas, deixa a mulher mais esguia e ajuda a alimentar uma boa postura. Acaba, com isso, ressaltando a feminilidade dela e sua beleza exorbitante. E cai bem tanto em mulheres mais baixas como mais altas.

Rasteiras defasam bastante o look com este vestido e não valorizam o que a mulher pode ter de melhor: as pernas. Também encurtam visualmente a altura. Já as plataformas são mais informais e não combinam muito com este tipo de roupa. Seriam boas dicas investir em open boots para eventos mais informais.

Maxi Colares Combinam Bem

Para quem achar o visual sóbrio demais com um vestido bandagem de cor única, é uma boa pedida combinar a peça com algo que quebre o visual. Os maxi colares mais perto do pescoço são uma ótima pedida para investir. Mas, dependendo do tecido e de sua estamparia, não combina bem usar o modelo com outros colares, pois é exagerado demais para o visual. Escolha cores contrastantes se a proposta é quebrar um pouco a sobriedade.

Hand Bags Sempre

Mesmo que seja em ambiente de trabalho, não combina usar o vestido bandagem com bolsas laterais, a menos que seja hand bangs ou bolsas bem pequenas com alças finas. As alças maiores ou maxi bolsas não pegam bem com este estilo de vestido, que é social fino e valoriza o corpo da mulher. O visual vai ser abafado por uma bolsa grande demais.

Sugestões? Hand bags mínimas para os eventos noturnos, como as clutches e modelos sociais que caibam no máximo as chaves e seus documentos. Praticidade é tudo com um vestido que precisa brilhar sozinho.

Com Listras é Mais Informal

Vestidos bandagens com listras são uma boa pedida para eventos não formais, como premiações, festas e aniversários. São ótimos para quem é magra mesmo, pois listras horizontais engordam e as verticais não ficam bacana com o modelo. O clássico preto e branco em listras neste vestido fica tudo de bom!

Mas se as listras tiverem um leve brilho e forem de um vestido tomara que caia, um salto alto e uma bela roupa já levantam o astral da peça para ser usada em eventos mais formais noturnos.

Tomara-que-caia é a Pedida da Vez

Não existe uma única situação em que os vestidos tomara-que-caia não fiquem bem. Com um terninho já podem ir para o trabalho e com maxi colares são ótimos para happy hour. O vestido com salto alto fino é ótimo para festas, casamentos e até para formaturas dependendo da cor e das estampas. Os lisos são mais indicados para eventos formais.

Decote em V? Depende

Você já tem um vestido bem curto, um salto alto para valorizar e uma peça justinha ao corpo. Optar por decote em V pode ser um pouco exagerado para a peça pelo excesso de sensualidade. Não abuse do decote, em especial se tiver seios fartos.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Roupas

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *